CNI: brasileiros esperam melhora na saúde, educação e emprego no próximo governo

79

Alguns brasileiros ainda não sabem em quem vão votar, mas eles já sabem o que próximo governante precisa priorizar para melhorar a situação do país. Saúde, educação e geração de empregos são, na visão do eleitor, as prioridades para o país nos próximos quatro anos.

De acordo com a rodada de opinião pública da pesquisa Agenda de Prioridades, da Confederação Nacional da Indústria (CNI), essas áreas devem ser, respectivamente, as principais políticas públicas do governo eleito para 43%, 34% e 21% dos brasileiros. A pesquisa ouviu 2.030 brasileiros com mais de 16 anos, entre 16 e 21 de agosto, nas 27 unidades da Federação.

Outra pergunta feita aos entrevistados foi sobre as áreas que mais melhoraram nos últimos quatro anos. Para 42% dos entrevistados, a resposta foi “nenhuma área”. Na sequência, aparecem educação e saúde, ambas com 7%, geração de emprego (6%), programas sociais (5%), infraestrutura/obras (5%) e segurança (4%).

Segundo o presidente da CNI, Robson Braga de Andrade, o Brasil precisa avançar ainda mais para voltar a crescer de forma sustentada, elevar a renda média da população e colocar-se entre os países mais desenvolvidos.

“Melhorar a qualidade da educação formal e ampliar a oferta do ensino profissional é fundamental para que os jovens se preparem adequadamente para atender às novas exigências do mercado de trabalho e possam enfrentar os crescentes desafios da era do conhecimento”, afirma.

Fonte: CNN Brasil

ViaCNN Brasil
Artigo anteriorCiclo de alta da taxa de juros deixa financiamento de carro popular R$ 13 mil mais caro em um ano e meio
Próximo artigoCandidatos à presidência priorizam saúde e educação nos planos de governo