PRF e PRE realizam operação integrada contra à criminalidade nas rodovias

0
718

A Polícia Rodoviária Federal e o Pelotão de Operações Especiais do Comando Rodoviário da Brigada Militar  realizaram uma operação conjunta com objetivo de coibir ações de criminosos nas rodovias da região norte do RS. A operação iniciou na sexta-feira (15) e estendeu-se até domingo (17) e ocorreu simultaneamente na ERS 324 em Passo Fundo e Ronda Alta, BR 480 em Erechim e BR 386 em Sarandi.

A primeira prisão aconteceu na madrugada de sábado (15) na ERS 324 em Passo Fundo. Os policiais prenderam o passageiro de um Peugeot 206 por porte ilegal de arma. No veículo viajavam quatro homens. Em busca no carro, foi encontrado um revólver calibre 32 municiado com 5 cartuchos. A arma estava escondida num compartimento dentro do console. Além disso, os homens traziam consigo um galo de rinha, bloco de anotações de apostas e R$ 2.926,00 em cédulas diversas. Os quatro foram encaminhados para registro da ocorrência na Polícia Civil, onde o passageiro de 52 anos assumiu a posse do revólver e foi autuado em flagrante por porte ilegal de arma. Os demais ocupantes do veículo foram liberados após serem ouvidos. O dinheiro e a arma foram apreendidos e o galo foi devolvido ao responsável, pois não apresentava sinais de maus tratos.

Por volta das 21h de sábado (16) na ERS 324 em Pontão, foi abordada uma Toyota Hilux, conduzida por um homem de 30 anos. Em busca no veículo, foi encontrada dentro de uma mochila uma pistola Glock calibre 380 municiada com 14 cartuchos. O homem foi preso em flagrante por porte ilegal de arma e a pistola foi apreendida.

Por fim, na madrugada de domingo (17) as equipes da operação prenderam três homens que estava transitando na ERS 324, em Ronda Alta, em um veículo VW Gol roubado. Eles ainda tentaram fugir das viaturas por mais de 8 quilômetros até as proximidades da aldeia indígena da Serrinha, onde foram abordados e presos. O veículo foi apreendido e será restituído ao proprietário. Os três homens, que tem descendência indígena, foram autuados em flagrante e recolhidos ao sistema penitenciário.

Fonte: Atmosfera online

Deixe uma resposta