Homologada proposta da Aurora pela Justiça Federal para compra dos frigoríficos da Cotrel

0
906

Homologada proposta da Aurora pela Justiça Federal para compra dos frigoríficos da Cotrel
A longa espera chegou ao fim, depois de um longo período de leilões cancelados e faltas de propostas, enfim os dois frigoríficos da Cotrel – aves e suínos – foram arrematados pela Aurora e com isso mantidos mais de dois mil empregos diretos.

Após a Fazenda Nacional aceitar a proposta da Aurora (que subiu em R$ 10 milhões sua proposta inicial) na segunda-feira, 6 de março, o processo retorno para a Justiça Federal para homologação da decisão. E nesta terça-feira, 7 de março, a Justiça Federal decidiu pela homologação através do juiz da 1ª Vara Federal Joel Luis Borsuk. O valor final pago pela Aurora será de quase R$ 108,5 milhões e isto vem encontro desde o leilão do ano passado, onde o interessado deveria pagar pelo menos 50% do valor avaliado pelos dois frigoríficos e mais algumas áreas próximas da unidade. Destes valores, R$ 49.580.651,92 correspondem aos imóveis O restante- R$ 58.856.848,08 – diz respeito às máquinas e equipamentos

Esses valores serão pago da seguinte forma: R$ 27 milhões à vista até cinco dias após a homologação da Justiça Federal, mais seis parcelas de R$ 4 milhões mensais (totalizando R$ 24 milhões) e ainda 60 parcelas de R$ 957 mil (sempre corrigido pela Selic)

Para lembrar o caso, após dois leilões sem interessados a Justiça Federal autorizou aos leiloeiros a venda direta.

Hoje, 8 de março, a direção da Aurora deve emitir um comunicado oficial sobre a aquisição dos frigoríficos.

O impasse da venda dos frigoríficos estava deixando os prefeitos da região aterrorizados, pelo impacto que causaria na economia, tanto é que em reunião recente da AMAU (Associação dos Municipios do Alto Uruguai) os prefeitos mostraram grande preocupacao, pelos empregos e principalmente pelos agregados que criam frangos e suínos em suas cidades e isso baixaria ainda mais a receita dos municípios podendo transformar o meio rural em um caos. Agora é hora do alivio.

Esses valores irão para quitar débitos em impostos federais (descontados valores dos leiloeiros) da Cotrel que vem se arrastando há muito tempo. A Cotrel é considerada uma grande devedora da União, respondendo a diversos processos de Execução na Justiça Federal. Com esta aquisição, será saldada uma pequena parte de sua dívida fiscal, estimada em cerca de R$ 400 milhões.

Deixe uma resposta