Dom José desafia padres e diáconos a avaliar qualidade do seu serviço ao povo

0
946

Dom José desafia padres e diáconos a avaliar qualidade do seu serviço ao povo
Padres e diáconos da Diocese, juntamente com Dom Girônimo Zanandréa, participaram de primeira reunião deste ano, nesta terça-feira, 07, no Seminário de Fátima, presidida por Dom José. Depois da oração inicial, animada pelos padres Milton Mattia e Edinaldo dos Santos Bruno, no contexto do Ano Mariano e da quaresma com a Campanha da Fraternidade, com a oração do rosário ao Espírito Santo, o Bispo diocesano registrou o início do trabalho do novo vigário geral, pe. Cleocir Bonetti, do novo coordenador de pastoral, Pe. Maicon Malacarne.

Em seguida, Dom José dirigiu reflexão coloquial abordando aspectos da vida e ministério dos padres e diáconos. Disse fazê-la com o objetivo de estímulo e encorajamento a cada um. Falou da importância do esforço na realização das cinco linhas de ação do Regional Sul 3 da CNBB, assumidas pelo 13º Plano Diocesano da Ação Evangelizadora – Conversão pastoral em vista de uma Igreja “em saída”, Iniciação à vida cristã com inspiração catecumenal, discipulado missionário centrado na Palavra de Deus, revitalização das pequenas comunidades em vista de uma nova paróquia, Igreja profética e misericordiosa a serviço da vida.

Referiu-se ao Ano Nacional Mariano e ao Projeto de revitalização do Santuário de Fátima que está tendo boa acolhida, mas que precisa maior empenho de alguns. Sugeriu, com destaque, alguns questionamentos a respeito da qualidade do serviço pastoral prestado ao povo de Deus: que nota dariam ao que vivem e realizam? Como o povo avaliaria a pregação, as celebrações, o serviço aos pobres, as posturas pessoais, a forma de tratar as pessoas, a linguagem, a própria apresentação pessoal? Como se faz a formação do povo em nossas paróquias, a visita às famílias; que espaço é dado aos adolescentes e jovens, qual a presença nos bairros, também das cidades pequenas? Apresentou algumas recomendações específicas: participar do retiro anual dos padres e dos diáconos, das reuniões e eventos periódicos, da missa do crisma na quarta-feira santa, celebrar diariamente a eucaristia, garantir horário para a oração pessoal, celebrar a confissão, cuidar zelosamente da administração da paróquia, dispor do diretório litúrgico na sacristia, seguindo suas orientações e outras.

Deixe uma resposta