Jovem que matou 9 negros em igreja é condenado à morte

0
1050

JOVEM QUE MATOU 9 NEGROS EM IGREJA É CONDENADO À MORTE

O americano Dylann Roof, 22 anos, foi condenado à morte nesta terça-feira (10) pelo assassinato de nove negros em uma igreja da cidade de Charleston, na Carolina do Sul, em 2015. Roof foi considerado culpado de 33 crimes pelo júri, incluindo assassinatos e crimes de ódio. Foram cerca de três horas até os jurados decidirem pelo veredicto.

Durante todo o processo, Roof chamou atenção por não expressar arrependimento pelos assassinatos, dizendo que os mortos “pertenciam a uma raça inferior” e lamentando apenas pelos “problemas” que levou à sua própria família.

Atuando como seu próprio advogado, ele tentou apelar para que os jurados concedessem “apenas” a prisão perpétua para ele e justificou seu crime dizendo que sentia ódio por pessoas negras.

Em junho de 2015, Roof foi a um encontro de estudos bíblicos na Igreja Metodista Episcopal Africana Mãe Emanuel. Quando estava com os membros da instituição, abriu fogo e matou nove pessoas.

Deixe uma resposta